Translate - Tradução

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

SEGUIDORES

Não perca o próximo artigo

Pesquisar Neste Blog

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Compra de votos com bolsa familia.




Antes das eleições, CEF erra e paga Bolsa Família maior
Pouco mais R$ 11 milhões foram transferidos de forma errada para 82.595 famílias. Algumas vão devolver o dinheiro em até 27 meses

A quantia de R$ 11,153 milhões foi transferida indevidamente para a conta de 82.595 famílias beneficiárias do Bolsa Família, segundo informações da Caixa Econômica Federal (CEF). O repasse ocorreu nos meses de setembro e outubro de 2010 e foi provocado por um erro do sistema do banco. Agora, a Caixa afirma que vai cobrar dos beneficiários os valores repassados a mais, com descontos que começarão a ser feitos a partir de março.

Segundo o superintendente nacional de programas sociais da Caixa, Roberto Barreto, o problema foi identificado no fim de outubro e corrigido em novembro. Ele frisou que não há relação entre a falha do sistema e o período eleitoral. "Foi uma fatalidade, um erro. A Caixa vai buscar o ressarcimento para que a União e a sociedade não sejam prejudicadas", disse.


Barreto explicou ainda que todas as famílias que receberam um benefício maior do que o devido receberão uma notificação do banco, informando que o valor pago a mais será descontado do benefício do mês seguinte. O desconto mensal não será superior a 25%, ou seja, algumas famílias devolverão o dinheiro em até 27 meses. "Algumas conseguirão pagar em duas parcelas. Outras precisarão de 27 meses. Mas 75% das famílias vão devolver os recursos em até 12 meses."

Segundo Barreto, o problema no sistema ocorreu no momento da atualização dos cadastros desses beneficiários. Com isso, algumas famílias que não teriam mais direito ao valor básico do benefício acabaram recebendo o montante indevidamente.
A maior parte das famílias que receberam a mais, 50,34%, é do Nordeste. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
-------------------
Comentário.
O curioso é que o erro foi direcionado para o nordeste que coisa estranha, você não acha? Qual sua opinião sobre o assunto, que não veio a publico e foi minimamente divulgado?

Um comentário:

Francisco de Assis disse...

Leia o que ocorreu depois aqui.

http://dpu.jusbrasil.com.br/noticias/2951328/liminar-nacional-impede-que-caixa-desconte-erro-no-bolsa-familia

ONDE O ANARCO CAPITALISMO FUNCIONOU?

TESTE SUA VELOCIDADE