Translate - Tradução

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

SEGUIDORES

Não perca o próximo artigo

Pesquisar Neste Blog

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

A vitória emblemática da mentira- Raposa Serra do Sol




Antes de você abraçar as propostas da embaixadora da miseria e da pobreza, Marina Silva, que está aí dizendo que lidera a "nova política" veja estes videos e espalhe.









TAGS:"keywords"content=" A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol, A vitória emblemática da mentira Raposa Serra do Sol

2 comentários:

Rosangela disse...

É muito complicado dar "direitos" a um povo que ainda cultiva a ingenuidade (o que não significa pureza).
Quando visitei Belém do Pará, no ano de 2010, participei de um encontro de líderes indígenas numa reserva. Tudo muito lindo. Sua cultura sendo exposta aos "brancos" que visitavam o local. Falavam muito sobre reivindicações.
Havia, também, entre este encontro, comércio de artefatos de penas de araras. Até comprei alguns. Mas ao indagar ao comerciante indígena sobre como eles tiravam as penas das araras sem machucá-las me responderam "nós matamos elas". E ao perguntar: Você acha correto matar um pássaro tão lindo, que encanta a reserva de vcs para vender suas penas em nome da "vaidade" humana? Me respondeu: Matamos pra nos alimentar, isto é direito. Então eu respondi: Ainda bem que não se come carne de índio não é mesmo? Quiz devolver os artefatos, depois desta informação, mas não quiseram devolver o meu dinheiro.
Na casa onde eu estava hospedada tinha (não sei se ainda tem)um viveiro de araras. Minha amiga pagou até R$ 500,00 por uma arara. Questionei porque ela mantêm aqueles pássaros presos. Ela me respondeu: Pelo menos aqui eles não são comidos. Ela acorda todo dia as 5h da manhã para limpar e alimentar o viveiro, antes de ir para sua empresa.
Mais tarde perguntei de quem ela comprou as araras? De um homem branco que visita os índios. E, muito irritada por eu estar sempre defendendo os índios me disse. Tu sabia que o governo paga R$ 1.000,00 para cada família indígena para que eles cuidem do território nacional para não ser invadida por estrangeiros? Eu achei uma boa jogada do governo - respondi.
-Pois não foi - disse ela - Os índios gastam tudo em cachaça. Sabendo disto muitos aproveitadores levam bebidas para que os índios comprem. Ah! sim, entendi. Se aproveitam da fraqueza dos índios.
_Ah! sim, ela me respondeu e os índios da fraqueza dos atravessadores.
-Ah sim, completei - e os atravessadores se aproveitaram da tua fraqueza de manter cativo pássaros para encantar tua residência. Acabamos brigando naquele dia rsrsrsr.
Eu sempre tive fascinação por conhecer a cultura indígena pelas coisas que escutava na escola quando criança. Mas vejo que isto se tornou passado. Meu Deus...o que está acontecendo com o Brasil? O que está acontecendo com o coração do mundo, a Pátria do Evangelho?

Francisco Amado disse...

RSRSSRSRSRSRSR

O brasil não foi não vai ser e nunca será coração do mundo pátria do evangelho.

Aquele livro é uma piada.

ONDE O ANARCO CAPITALISMO FUNCIONOU?

TESTE SUA VELOCIDADE