Translate - Tradução

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

SEGUIDORES

Não perca o próximo artigo

Pesquisar Neste Blog

sábado, 11 de junho de 2011

Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional





Lula não tem mais moral para exercer cargo executivo.
Menos de quatro meses depois de sair do governo, Lula já estava andando pelo Brasil e pelo mundo, cobrando centenas de milhares de reais ou dólares por palestras para empresas que, de uma ou outra forma, dependeram da sua caneta presidencial para melhorar a performance dos negócios. Foi assim com Salinas, do Banco Azteca, com Odebrecht, para quem cobrou uma dívida de Chávez e, ontem, com o presidente da Tetrapack, quando prometeu lutar para que ele pague menos impostos, conversando com o ministro da Fazenda que ele nomeou e que continua no governo Dilma. Vejam a matéria da Folha:

O ex-presidente Lula prometeu ao presidente da Tetra Pak, Paulo Nigro, procurar autoridades do governo Dilma Rousseff para ajudar a empresa a reduzir impostos sobre embalagens de leite. Ele disse que falaria com o ministro Guido Mantega (Fazenda) para defender um pleito da multinacional: reduzir o ICMS cobrado por alguns Estados sobre as embalagens de leite longa vida. O petista fez a promessa ao fim de uma palestra fechada para convidados da Tetra Pak, na noite de quarta-feira. Seu cachê neste tipo de evento é estimado em R$ 200 mil -ele não confirma o valor.


Lula confirmou ontem ter tratado do assunto, mas disse não atuar no governo como representante das empresas que o contratam. Segundo relato do jornal "O Estado de S. Paulo", Nigro pediu "uma mão" a Lula para facilitar a venda das caixinhas de leite em programas de alimentação popular. O ex-presidente teria respondido que fará "o que puder fazer para ajudar", incluindo conversas com Mantega e com governadores.
Ontem, o petista disse não ver "nenhum problema" em fazer gestões políticas para "influenciar" na queda do ICMS sobre as embalagens. "Eu disse que o companheiro Guido Mantega estava discutindo com os governadores [...] e que se eu pudesse influenciar para que o ICMS se reduzisse, para o leite chegar com mais qualidade à casa das pessoas, não teria nenhum problema", afirmou.

Lula acrescentou que atenderia ao pleito da Tetra Pak "em praça pública, numa reunião, num debate ou numa entrevista". "Não foi uma conversa reservada", disse. "Tinha televisão." Na verdade, a palestra foi fechada à imprensa, como exige o próprio Lula nos contratos fechados por sua empresa, a LILS Palestras, Eventos e Publicações Ltda. A câmera de TV a que ele se referiu era da Tetra Pak, que se recusou a fornecer cópia da fita à Folha. A empresa confirmou o diálogo entre Nigro e Lula, mas disse que não comentaria o assunto.

.................................................................................
O tamanho do absurdo prometido por Lula fica ainda maior quando todos sabem a Tetra Pak é líder absoluta de mercado, praticamente um monopólio. O custo da embalagem é maior do que o preço pago ao produtor pelo leite in natura. A empresa tem 98% de participação de mercado no Brasil, uma condição só comparável à da Petrobras no refino de petróleo e à da Vale do Rio Doce em extração de potássio. Obviamente, uma empresa multinacional com esta participação nas vendas, só chama um Lula para palestras, pagando os olhos da cara, por um único motivo: contar com os seus serviços de lobista, buscando redução de impostos para si e aumento de impostos para os concorrentes, neste caso as embalagens importadas. É vergonhoso que um ex-presidente vire um aliado de uma empresa que, no fundo, com o alto preço da sua embalagem, torna o preço do leite brasileiro um dos mais caros do mundo.
.................................................................................
Em 2005, quando ainda existia o Fome Zero (hoje Brasil Sem Miséria), Lula prestou-se a uma fabulosa jogada de marketing, recebendo a doação de um milhão de litros de leite da Tetra Pak. O casal presidencial virou casal-propaganda da empresa, em fotos realizadas dentro do Palácio do Planalto.
FONTE: COTURNONOTURNO

TAGS:"keywords"content=" Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional, Lula vai ajudar a reduzir impostos de multinacional

Nenhum comentário:

ONDE O ANARCO CAPITALISMO FUNCIONOU?

TESTE SUA VELOCIDADE