Translate - Tradução

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

SEGUIDORES

Não perca o próximo artigo

Pesquisar Neste Blog

IMPOSTÔMETRO

segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Governo do Paraguai e a Remoção física da ideologia de gênero

Governo do Paraguai e a Remoção física da ideologia de gênero

O governo do Paraguai excluirá de sites governamentais materiais que promovem a ideologia de gênero e que datam do governo anterior, disse o ministro da Educação, Enrique Riera. Em uma coletiva de imprensa realizada na segunda-feira (18/09), Riera lamentou a “confusão”, originada das denúncias de pais que lotaram a caixa de entradas do WhatsApp de membros do governo.
Riera ordenou que todo o material fosse revisado, “porque há uma frase que causa todo o problema”, que é “onde diz literalmente que o gênero é uma construção social”. O ministro responsabilizou por estes conteúdos um acordo assinado entre o governo de Fernando Lugo, afastado em 2012, e um grupo chamado “Somos Gay”.

“Quero lhes dizer que o Ministério da Educação se baseia no artigo 52 da Constituição Nacional, de uma família tradicional, de valores tradicionais, com pai, mãe, filhos: também é a minha posição e nós naturalmente respeitamos as diferentes opções, mas não as infundiremos nas escolas públicas”, disse. O artigo 52 da constituição do Paraguai afirma que “o casamento entre o homem e a mulher é um dos elementos fundamentais na formação da família”.

29 igrejas de Curitiba se uniram para defender a família através do "Movimento Gênesis – Homem e Mulher os Criou".

“Queremos fortalecer esse ensino bíblico e mostrar que é esse o projeto que Deus tem para a sociedade: a família como célula principal”, explica Dorgival Pereira, coordenador da Associação das Igrejas Batistas da Grande Curitiba (BGC) e um dos organizadores do movimento, cujo lançamento foi marcado pelas celebrações do domingo (10/12) em igrejas evangélicas e católicas. Nas missas e cultos, homens compareceram vestidos de azul e mulheres de rosa.

O arcebispo de Curitiba, dom José Antônio Peruzzo, enviou uma carta aos padres de sua arquidiocese pedindo para que na homilia do domingo se enfatizasse “o valor da família, da comunhão familiar, da afetividade e do respeito pela identidade sexual que a natureza nos dotou”, assumindo “posições claras em favor do que nossa fé e doutrina eclesial nos ensinam”.

O movimento também já demonstrou sua insatisfação em relação à proposta da Base Nacional Curricular Comum (BNCC) e produziu um documento assinado por advogados da Primeira Igreja Batista de Curitiba (PIB) e da Arquidiocese de Curitiba, para ser enviado a Brasília. O material foi encaminhado ao Ministério da Educação através do senador Magno Malta (PR-ES).


Pesquisas comuns sobre Governo do Paraguai e a Remoção fisica da ideologia de gênero    respondidas nesse vídeo:
1 Governo do Paraguai e a Remoção fisica 
2 Remoção fisica da ideologia de gênero
3 Liberal
4  RaiBlocks
5 Hans-Hermann Hoppe
6  #FranciscoAmado
7 Governo do Paraguai
8  Blockchain
10  Bitcoin CADEIA

Nenhum comentário:

O QUE DESCOBRI VISITANDO CUBA?

TESTE SUA VELOCIDADE