Translate - Tradução

Google-Translate-ChineseGoogle-Translate-Portuguese to FrenchGoogle-Translate-Portuguese to GermanGoogle-Translate-Portuguese to ItalianGoogle-Translate-Portuguese to JapaneseGoogle-Translate-Portuguese to EnglishGoogle-Translate-Portuguese to RussianGoogle-Translate-Portuguese to Spanish

SEGUIDORES

Não perca o próximo artigo

Pesquisar Neste Blog

sábado, 25 de maio de 2013

Os médicos cubanos o que a midia escondeu


O primeiro sintoma de que um país vive sob o tacão de um regime autoritário é o enfraquecimento do parlamento. Por sua natureza o parlamento é o poder mais aberto, haja vista para o fato de que possui galerias onde é facultado aos cidadãos acompanharem os trabalhos de senadores e deputados, sem contar o fato de que nas comissões das duas Casas dos Congresso em diversas oportunidades, há participação popular.
Portanto, dos três poderes da República o parlamento é o mais permeável ao controle da sociedade, ou pelo menos deveria ser. Já o Executivo e o Judiciário são mais restritivos a esse permanente escrutínio por parte dos cidadãos.  Faço esta observação a partir do vídeo acima que enfoca pronunciamento do deputado Luiz Henrique Mandetta, do DEM do estado do Mato Grosso do Sul. 

A intervenção do deputado nessa comissão que analisa a decisão do governo federal de importar médicos coloca em pauta uma série de questões que merecem atenção. Com argumentos sólidos esse deputado detona a funesta ideia da importação de médicos tida pela escumalha do PT como uma espécie de panacéia universal para resolver o problema da "doença da saúde brasileira".  
O destaque que dou ao pronunciamento desse deputado já é um sinal concreto de que o parlamento brasileiro está completamente emasculado por seu escandaloso contubérnio com o Poder Executivo. Explico porquê mais adiante.
Na verdade, sob o governo do PT e sua base alugada sob os auspícios do PMDB, o Legislativo foi transformado num órgão destinado simplesmente a homologar decisões do Palácio do Planalto, como essa que postula a importação de médicos cubanos, portugueses e africanos.
COPA DO MUNDO E SAÚDE SUCATEADA
Enquanto o governo da Dilma e do Lula gasta bilhões para viabilizar a Copa do Mundo, os hospitais brasileiros estão totalmente sucateados. A área saúde é um lixo, uma esculhambação geral. O fato, sem dúvida, terá impacto nas próximas eleições presidenciais.
 O tema saúde, ao lado da educação e da segurança pública, terão sem qualquer dúvida impacto importante na próxima eleição presidencial. Não é para menos que de uma hora para outra o governo da Dilma e do Lula, provavelmente instruído pelo marketeiro baiano João Santana, o ministro sem pasta, decidiu importar esculápios alienígenas, os quais estarão isentos de prestar exame de avaliação preconizado em lei. O "ministro" João Santana deve ter trazido a idéia da Venezuela, onde foi responsável pelo marketing eleitoral do finado caudilho Hugo Chávez e de Nicolás Maduro, o usurpador.
E vamos ser objetivos: médicos cubanos, portugueses e africanos não têm, digamos assim, a qualificação de médicos norte-americanos, ingleses, alemães ou israelenses. E mesmo esses, para exercer a medicina no Brasil, teriam de ser submetidos ao teste de avaliação conhecido como Revalida.
No vídeo acima nota-se o mal-estar esboçado pela maioria dos deputados ante o prounciamento do deputado Mandetta. Fica muito claro que essa reunião está destinada, de alguma forma, a aprovar sem retoques, sem análises, sem qualquer objeção a decisão maluca de João Santana, o ventríloquo da Dilma e do Lula. O que interessa ao PT e ao PMDB é a manutenção do poder a qualquer custo e a qualquer preço. Pouco importa se brasileiros já estão condenados à morte nas filas dos hospitais implorando por uma cirurgia ou exame que lhes salvem a vida ou mitiguem seu sofrimento.
Sem tirar os méritos do deputado Mandetta, o certo é que seu pronunciamento, que deveria ser comum num parlamento verdadeiro, torna-se uma exceção!, fato que desnuda o Congresso Nacional comprovando a sua desnaturação.
A CUBANIZAÇÃO DO BRASIL E essa desnaturação do Congresso que o reduz apenas a grande balcão de negócios tem, é certo, o objetivo pecuniário da horda que busca apenas se locupletar. Enquanto, por parte do PT, a intenção vai além disso. Para os objetivos do Foro de São Paulo, a organização esquerdista fundada por Lula e Fidel Castro, para comunizar todo o continente latino-americano, o parlamento terá de ser um órgão apenas homologador do que decide o partido do poder, ou seja, o partido comunista que pode ser cognominado de PT, PSVU, ou seja lá o que for. Conseguida a domesticação do parlamento e do judiciário consolida-se a ditadura. Em Cuba a ditadura comunista de Fidel Castro já tem mais de meio século...
Neste caso tem de amesquinhar o parlamento. Tem de chamar o Sarney, o Renan Calheiros e congêneres para dirigir as duas casas do Congresso. Quanto mais corrupção ocorra na Câmara e no Senado tanto melhor para os planos do PT que prossegue na sua campanha difamatória daquilo que consideram "democracia burguesa", ou seja a democracia representativa.
JORNALISTAS PAUTADOS POR JOÃO SANTANA
Não é à toa que a todo o momento se ouve alguém exclamar: "tem de fechar essa pocilga que só dá despesa e não adianta nada." Normalmente essa admoestação parte daqueles que se informam pela grande mídia, principalmente a televisão e os grandes jornais. É que os jornalistas brasileiros, em suas esmagadora maioria um bando de vagabundos mentirosos e venais, são todos áulicos e serviçais do PT.

E tudo o que é veiculado pela grande mídia é produzido por esses jornalistas. Se verificarem bem o grosso do noticiário notarão que não há - com as exceções de sempre - matérias que metam o dedo na ferida. As denúncias, quando ocorrem, envolvem o parlamento ou então o Poder Judiciário, especialmente o Supremo Tribunal Federal (STF).
Tanto é que a maior parte dos escândalos perpetrados pelo governo do PT ao longo da última década que vieram a público foram revelados pela revista Veja, o único grande veículo de comunicação no Brasil que não está de joelhos e nem tem a sua redação sob o domínio dos esbirros do PT.
Tanto é que o vídeo que é destaque deste post chegou ao meu conhecimento por um desses emails que recebo de leitores. Do ponto de vista jornalístico o pronunciamento do deputado Mandetta mereceria a atenção da grande imprensa. 
Todavia, os jornalistas que cobrem o Congresso estão mais preocupados em defender a importação de médicos cubanos e enaltecer a medicina cubana, uma das mais atrasadas do mundo, já que são pautados  diariamente pelo marketeiro bolivariano João Santana. 
Agora mesmo a Dilma foi à África, participar de um convescote de ditadores num continente onde não existe um só regime democrático e todos os países são governados por tiranetes cruéis e assassinos. Tal fato jamais será objetivo da crítica da grande imprensa e seus jornalistas amestrados, como também o discurso do deputado Mandetta foi devidamente escamoteado ou minimizado.
FONTE: aluizioamorim.blogspot.com.br 

 TAGS:"keywords" content=" Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu, Os médicos cubanos o que a midia escondeu

Nenhum comentário:

ONDE O ANARCO CAPITALISMO FUNCIONOU?

TESTE SUA VELOCIDADE